Conecte-se Conosco

Cultura

Marinheiro João Cândido é pauta de encontro de grupos de Belford Roxo

Café no Ponto da ComCausa com Kafango Verde.

Publicado

em

No próximo dia 8 de julho, o Kafango Verde promoverá, junto com a ComCausa, um Café no Ponto para relançar suas atividades em Belford Roxo.

No encontro será simbolicamente lançado o ‘Cine Kafango’ que terá exibição de vídeos sobre João Cândido. Além deste, o Kafango Verde dará o nome “Marinheiro João Cândido” para a nova turma de jovens do curso de mergulho.

A escolha das temáticas sobre o marinheiro João Cândido, conhecido como herói da Revolta da Chibata, foi por este ser uma figura histórica se radicou na Baixada Fluminense e que teve uma grande importância pela luta de direitos, principalmente dos praças da Marinha Brasileira.

Por esse motivo, o Kafango Verde decide se aliar ao movimento pelo resgate da história de João Cândido, juntando forças com as instituições que estão no movimento pela implantação do Museu João Cândido na Baixada Fluminense, especificamente no Morro do Embaixador em São João de Meriti, cidade vizinha à Belford Roxo.

A atividade será na sede da instituição – Rua Baraúna 43 – Piam, Belford Roxo/RJ -, na quinta-feira 8 de julho – a partir das 19 horas e será aberta à população por meio do contato feito através do WhatsApp da ComCausa 21 99836 4573.


28

Cultura

Explorando o universo do conhecimento no Museu Ciência e Vida

Publicado

em

Localizado na acolhedora cidade de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, o Museu Ciência e Vida é um verdadeiro tesouro para os amantes da ciência e da aprendizagem. Desde sua inauguração em 2010, o museu tem sido um ponto de encontro para crianças, jovens e adultos que gostam de descobrir e aprender sobe os mistérios do universo ao nosso redor.

Ao adentrar as portas do Museu Ciência e Vida, os visitantes são recebidos por uma atmosfera envolvente, repleta de exposições interativas e atividades educativas. Uma das grandes características deste museu é a sua capacidade de tornar a ciência acessível e divertida para todos, independentemente da idade ou formação acadêmica.

Uma das exposições mais fascinantes é a dedicada à astronomia, onde os visitantes podem explorar o cosmos através de telescópios digitais de última geração. Desde observações do sistema solar até galáxias distantes, esta exposição oferece uma fantástica visão sobre este fascinante universo que nos rodeia.

Além disso, o Museu de Ciência e Vida abriga uma variedade de exposições interativas sobre física, química, biologia e tecnologia, todas projetadas para despertar a curiosidade e estimular o pensamento crítico. Os visitantes podem mergulhar em experiências práticas, realizar experimentos científicos e participar de demonstrações ao vivo, tudo sob a orientação de educadores dedicados e experientes.

Para os mais jovens, o Museu Ciência e Vida oferece programas educacionais emocionantes, incluindo oficinas, cursos e eventos especiais. Estas atividades são projetadas para complementar o currículo escolar e inspirar uma paixão duradoura pelo conhecimento científico.

Além das exposições permanentes, o Museu Ciência e Vida também recebe exposições temporárias sobre uma variedade de temas científicos, garantindo que cada visita seja uma experiência única e enriquecedora.

Para os moram no município e para os visitantes de fora da cidade, o Museu Ciência e Vida é um destino imperdível. Com sua combinação única de educação, entretenimento e inspiração, este museu continua a desempenhar um papel importantíssimo na promoção da alfabetização científica e no enriquecimento da comunidade de Duque de Caxias e além.

Venha explorar o universo do conhecimento e deixe-se levar pelas maravilhas da ciência no Museu Ciência e Vida.

 

28

Continue lendo

Cultura

Unidos do Viradouro é a campeã do Grupo Especial do carnaval 2024 no Rio de Janeiro

Publicado

em

Este ano a Marquês de Sapucaí comemora 40 anos, e quem festeja este aniversário com mais alegria é sem dúvida a Escola de Samba Unidos da Viradouro, que dentre as 12 escolas de samba do Grupo Especial carioca, teve o melhor desempenho, e acabou sendo a grande campeã do Carnaval 2024 do Rio de Janeiro. Este é o terceiro título da agremiação. O último foi em 2020.

A Escola de Samba Unidos da Viradouro foi a última a desfilar na Sapucaí na segunda-feira (12), que foi o segundo dia dos desfiles. Com o samba-enredo intitulado “Arroboboi Dangbé”, a Unidos da Viradouro, de Niterói, trouxe uma homenagem ao vodum serpente, que tem sua origem na Costa Ocidental da África. O enredo também teve a intenção de ressaltar a força da mulher negra.

Viradouro. Foto: Instagram

Alegorias e adereços, Bateria, Evolução, Mestre-sala e porta-bandeira, Comissão de frente, Enredo, Harmonia, Samba-enredo e Fantasias foram os quesitos julgados pelos jurados. Caso houvesse empate, o quesito Fantasias passaria por um sorteio, que seria definido antes da contagem final dos votos.

A apuração foi nesta quarta-feira (14). Estas apurações aconteciam na Praça da Apoteose, na marquês de Sapucaí desde a década de 80, e pela primeira vez foi realizada na Cidade do Samba, que fica na região portuária do Rio. Essa mudança foi por conta de um pedido de Jorge Perlingeiro, que é presidente da Liesa. Perlingeiro deu várias justificativas, dentre elas, a diminuição do público em função do calor que geralmente faz na Apoteose.

A contagem dos votos foi rodeada de muita tensão, pois havia a informação de que estaria em análise um certo recurso apresentado pela Grande Rio, Imperatriz e Beija-Flor em relação a uma possível irregularidade na comissão de frente. As três escolas alegavam que o limite de 15 integrantes na ala havia sido ultrapassado durante a apresentação, e por isso pleiteavam uma possível punição com a perda de 0,5 ponto. Mas a possibilidade caiu por terra, pois a Viradouro obteve 0,7 a mais que a segunda colocada, ou seja, mesmo que o recurso fosse acatado, a contagem dos votos garantiria o título de campeã à Unidos da Viradouro.

A campeã, Unidos da Viradouro, obteve notas altíssimas em todos os 9 quesitos, alcançando a marca de 270,0 pontos. A Imperatriz Leopoldinense ficou com a vice-liderança, com 269,3 pontos. Em terceiro, mas dando o maior show, a maravilhosa Grande Rio, com 269,2.

 

Prestigie o comércio local de nossa cidade.

Oficina do Implante – Diana Implantista
Cabelos naturais e orgânicos – Envio para todo o Brasil

Shopping Caxias – Loja 11 Quadra 04
Telefone: (21) 99734-3985

 

28

Continue lendo

Agenda Cultural

Festival Literário Energia para Ler fará sessão extra no Raul Cortez

Publicado

em

O Festival Literário Energia para Ler percorreu 10 municípios do interior fluminense em 2023. O movimento de educação e cultura, que reúne artistas do cenário nacional e regional, agitou 25 cidades do estado, desde 2021, e fará uma sessão extra amanhã, quarta-feira (6), às 19h, no Teatro Raul Cortez, em Duque de Caxias. Desta vez, o evento será exclusivo para 400 profissionais da Educação de diversas cidades, com o espetáculo “Savana Pedagógica”, estrelado pelo ator e humorista Diogo Almeida.

“Diogo Almeida esteve conosco, na estrada, em diversas cidades. Este espetáculo retrata o cotidiano dos professores de forma bem-humorada. Assim como aconteceu por onde passamos, tenho certeza de que os profissionais da educação serão impactados. O Energia para Ler é transformador, incentiva o gosto pela leitura de quem participa e também busca valorizar os profissionais de educação que são fundamentais neste processo”, explica Flávio Valadares, um dos produtores da Motivos Produções.

Em 80 minutos de show, o comediante faz um retrato do cotidiano da vida dos professores e de quem convive com eles. Relata, de maneira inusitada e engraçada, as situações que envolvem os docentes e os demais profissionais ligados à educação. Tipos de professor, tipos de aluno, a sala dos professores como ambiente de interação, os pais dos alunos, relação entre os professores e a coordenação pedagógica, entre outros assuntos.

Este evento celebrará ainda a reabertura do Teatro Raul Cortez, na cidade de Duque de Caxias, que passou recentemente por uma ampla reforma e reabriu as suas portas ao público em outubro como um importante equipamento cultural para a região.

O Energia para Ler é um movimento artístico e educacional patrocinado pela Enel Distribuição Rio, em parceria com a Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, e realizado pela Motivos Produções. Nos últimos três anos, o festival já visitou 25 municípios do estado do Rio de Janeiro, com uma programação que durou de três a cinco dias em cada cidade.

28

Continue lendo
Propaganda

Destaque