Conecte-se Conosco

Economia

Comerciantes caxienses esperam aumento nas vendas para o dia dos namorados

Faltando dois dias para o Dia dos Namorados, alguns comerciantes contam com a costumeira clientela de última hora.

Publicado

em

Roupas esportivas, agasalhos, tênis, bolsas e acessórios, joias e bijuterias, perfumes, lingerie, smartphones, produtos de beleza e flores provavelmente serão os produtos mais vendidos para presentes da data.

As vendas para o Dia dos Namorados deste ano deverão alcançar R$ 2,49 bilhões, com queda de 2,6%, descontada a inflação, na comparação com o resultado da mesma data em 2021, que chegou a R$ 2,56 bilhões. Os dados foram divulgados pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e mostram efeito da inflação, que atinge diversos produtos e serviços relacionados ao período.

No Rio de Janeiro, uma pesquisa de Expectativa de Vendas para o Dia dos Namorados relatou que o comercio lojista carioca pode esperar um crescimento de 3% nas vendas com a chegada da data. A pesquisa indicou ainda que o ticket médio de cada venda estará em torno de R$150,00, o parcelamento no cartão será a preferencia dos consumidores, seguido pelo débito, crediário, e por último, o cheque e o pagamento à vista.

Este estudo foi feito pelo Clube de Diretores Lojistas do Rio de Janeiro – CDLRio, e pelo Sindicato dos Lojistas do Município do Rio de Janeiro, entre os dias 22 e 30 de maio. Cerca de 300 lojistas foram ouvidos nesta pesquisa.

As regiões do Rio também possuirão variações nestas expectativas de vendas, sendo elas: Zona Norte (+27%) serão as que mais venderão; Zona Sul (+26%); Centro (+24%) e Zona Oeste (+23%).

Em visita ao Centro de Duque de Caxias, nas imediações do Calçadão, faltando apenas dois dias para a comemoração, e apesar do grande movimento de pessoas, muitos comerciantes não haviam percebido ainda uma melhora significativa nas vendas, e muitos contavam mesmo com os famosos “atrasadinhos”, ou seja, pela clientela que de costume deixa pra comprar os presentes na última hora.

O Sindivarejo, que é o Sindicato do Comércio Varejista de Duque de Caxias e Magé estima no município caxiense um aumento 2 a 2,5%, que é um pouco menor em relação ao Rio de Janeiro e demais capitais, levando em conta os tipos de produtos comercializados e dimensões das empresas.

Vale lembrar que você pode contribuir. Sempre que possível prestigie o comércio local de nossa cidade. Desta forma você estará cooperando para a melhoria da qualidade de vida em nosso município.

Agradecimento:
– Sindivarejo – Sindicato do Comércio Varejista de Duque de Caxias e Magé
– Comerciantes de Duque de Caxias
– Demais participantes e entrevistados


 

APOIO CULTURAL

49

 

Continue lendo

Economia

Quase 500 mil vagas temporárias de empregos devem ser criadas até o final do ano

Publicado

em

A contratação temporária está prevista em lei, e segundo a Associação Brasileira de Trabalho Temporário (Asserttem), o aumento mais perceptível deve acontecer na indústria, seguido pelo setor de serviços e do comércio.

Ouça a reportagem:

 

49

Notícias de Duque de Caxias RJ
Notícias de Duque de Caxias

Continue lendo

Economia

Conta de luz continuará com bandeira verde em outubro, informa a Aneel

Consumidores continuarão a pagar mais barato devido as condições favoráveis para a geração hidroelétrica.

Publicado

em

Lâmpadas. Foto: Portal Duquecaxiense

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou nesta última sexta-feira (29) que devido as condições favoráveis de gerção de energia elétrica, ainda no mês de outubro os brasileiros continuarão com a tarifação da bandeira verde. Isso significa que não haverá custos extras na conta de luz.

Ouça a reportagem:

 

49

Continue lendo

Economia

Senac RJ e Degase firmam parceria para capacitação socioprofissional em todo o Rio

A parceria é inédita e foi firmada na presença de autoridades públicas e membros do judiciário.

Publicado

em

Analine Castro, Suelly Lopes Magalhães, Antonio Queiroz e Victor Hugo Poubel.

O Senac RJ e o Departamento Geral de Ações Socioeducativas do Rio de Janeiro (Degase-RJ), vinculado à Secretaria Estadual de Educação (Seeduc), firmaram parceria inédita na tarde desta terça-feira, dia 18 de julho, na sede do Sistema Fecomércio RJ, para profissionalização de jovens em todo o estado, a partir de agosto. A iniciativa abrange cursos de informática fundamental e socioemocionais oferecidos em unidades Senac RJ e em Centros Socioeducativos do Novo Degase, acesso a vagas em cursos regulares da instituição de ensino. Neste primeiro momento, o projeto irá atender aos integrantes do programa individual de Semiliberdade.

Estiveram presentes no evento de assinatura do compromisso, o presidente do Sistema Fecomércio RJ, Antonio Florencio de Queiroz Junior, o diretor regional do Senac RJ, Sérgio Ribeiro, o diretor geral do Degase-RJ, Victor Hugo Poubel, a primeira-dama do Rio de Janeiro, Analine Castro, a desembargadora e vice-presidente do Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário (GMF/RJ), Suelly Lopes Magalhães, além de secretários e subsecretários de estado, deputados e outros membros do judiciário atuantes nas áreas da infância e da juventude no estado do Rio de Janeiro.

A iniciativa inclui ainda familiares e egressos do Degase-RJ de todo estado, com a oferta de turmas gratuitas em cursos de capacitação, por meio do Programa Senac de Gratuidade (PSG), com auxílio-transporte incluso.

O processo de encaminhamento dos jovens será efetuado pelo Degase-RJ. Os alunos do programa de Semiliberdade receberão também suporte para deslocamento até as unidades Senac no Rio, Grande Rio e em municípios do interior do estado, além de todo material didático. 

 

Sobre os cursos 

Os cursos que compõem o programa serão ministrados nas dependências do CRIAAD (Centro de Recursos Integrados de Atendimento ao Adolescente), em modernos laboratórios de tecnologia, localizadas em Bonsucesso, Nova Iguaçu, Duque de Caxias, Bangu, Santa Cruz, Nilópolis, Ilha do Governador, Teresópolis, Volta Redonda, Barra Mansa, Cabo Frio, Niterói, São Gonçalo, Macaé e Campos dos Goytacazes, além de unidades Senac RJ distribuídas em todo o estado.

As aulas de Informática Fundamental irão proporcionar aos estudantes operar editores de textos, planilhas, apresentações, internet e webmail, por meio de conhecimentos básicos das ferramentas do Sistema Operacional Windows e pacote Office como Word, Excel e Power Point, que são o ponto de partida para grande parte das carreiras profissionais.

O Senac RJ terá equipe dedicada exclusivamente para o projeto e irá utilizar a metodologia habitual de ensino de aprender fazendo, além de oferecer aulas socioemocionais e orientação em projeto de vida. Dessa forma, os alunos irão desenvolver competências socioprofissionais em aulas práticas. Todos terão acesso a Projetos Integradores, em que são aplicados os conhecimentos adquiridos em projetos interdisciplinares de problemas reais do mercado profissional.

Ao final, receberão certificado de conclusão de curso e poderão contar com o Banco de Oportunidades, área de negócios do Senac RJ que aproxima alunos e empresas no mundo do trabalho.

Com o objetivo de permitir a imersão social e condições de igualdade para inserção do mercado profissional, todos os alunos do projeto também terão acesso a vagas gratuitas de cursos de qualificação em diversas áreas de atuação, como tecnologia, inovação, beleza, gastronomia, turismo, moda, design, turismo, hospitalidade, entre outros, incluindo lançamentos. Os jovens poderão escolher o que cursar em ambiente de aprendizagem regular de ensino nas unidades Senac RJ.

 

Sobre o Senac RJ    

Há 77 anos o Senac RJ atua na profissionalização de mão de obra para o setor do Comércio de Bens, Serviços e Turismo no Estado do Rio de Janeiro. A instituição de ensino investe fortemente em inclusão social por meio de capacitação para o mercado de trabalho e é reconhecida como referência na oferta de cursos profissionalizantes.

 

49

Continue lendo
Propaganda

Destaque